sábado, 1 de fevereiro de 2014

"DOR QUE QUEIMA"

 "DOR QUE QUEIMA"

Esta dor que me queima
Que me faz andar no inferno
Como se andasse por cima das labaredas
Do carvão aceso donde queima o meu corpo
Tornando em cinzas espalhados pelo vento
Maldita dor, maldito sofrimento, maldita vida.
Inferno da minha alma, presa com correntes
Que atiram-me para o poço mais profundo do inferno
Dos sentimentos que devoram
Todo de melhor que eu tenho Deus.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca